A tortura das chuteiras antigas

img_chuteira1904As chuteiras nem sempre foram as sapatilhas de hoje. Não só as canelas dos adversários temiam as chamadas chuteiras de bico duro, como eram chamadas as chuteiras até meados dos anos 40 do século passado, mas os próprios pés dos atletas olhavam de lado na hora de calçar aquilo feito para proteger o usuário. Fim de partida, os jogadores não queriam nem ver a encrenca.

As chuteiras dos primeiros futebolistas, de cano alto e travas de guerra, eram adaptações das botas de operários, construídas para resistir a qualquer pancada ou piso, mas pouco atentas aos pés de quem as usava. Dizem até que os profissionais que cuidam dos pés, os podólogos, surgiram naquela época.

O tempo deu conta de poupar os pés dos futebolistas à medida que a indústria de material esportivo se sofisticou. As chuteiras perderam peso e ganharam conforto e beleza. E os pés dos jogadores ficaram mais soltos para pôr a bola pra correr.

Muitos deles, como Nilmar, do Internacional, não abriram mão porém da figura do amaciador de chuteiras novas, aquele personagem que usa as chuteiras por algum tempo para dar jeito no couro antes de passar para os pés da estrela do time.

About these ads

2 Respostas

  1. cacalo! você domina a bola como ninguém, parabéns!
    você tem razão, desse jeito, lendo os segredos da bola, ainda vou bater um bolão, hehehe. beijo

  2. Obrigado, Cláudia, a bola já entrou na sua vida. Beijo. Cacalo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: